Fortaleza de Nossa Senhora dos Prazeres ou Fortaleza da Barra

A  Fortaleza, foi construída em  1767  por  ordem   do   rei  de  Portugal, Dom José  I, com   o  objetivo de  proteger   a  baía, já que  em  Paranaguá  estava  um   dos  principais  portos do  Brasil  na  época . Os  canhões apontados  para  a  entrada do canal,  cuspiram fogo em 1850, durante  a  batalha  conhecida como “Combate Cormorant” que marcou Paranaguá. O vapor de guerra   inglês aprisionou   três  embarcações nacionais devido  ao  tráfico de escravos.

Farol das Conchas

A paisagem  que  identifica a ilha – o Farol das Conchas, situa-se no morro das Conchas, e foi construído por ordem de D. Pedro II,cumprindo, desde  1872  até  nossos  dias,  o  objetivo de orientar  os  navegadores que adentram a baía de  Paranaguá. Do alto do farol vislumbra-se a maravilha  de  toda  a baía de Paranaguá. Com centenas  de  degraus,  sua  beleza contrasta com a rocha e o verde da vegetação do Morro.

Gruta das Encantadas

A  Gruta  das Encantadas está envolta em lendas   e   histórias  fantásticas.  É  uma cavidade   natural,   ao  nível   do     mar, localizada ao sul  da ilha. Guarda segredos ainda  envoltos  em  mistérios. Diz a lenda que  lindas  mulheres,  em  noite  de  luar, apareciam e com sua beleza e seus cantos sedutores, encantavam  os visitantes que, andando    distraidamente    pela     praia, aproximavam-se da gruta e desapareciam misteriosamente para sempre.

Capela de São Francisco

Localizada  a  151  metros  acima  do nível do mar, no morro Nhá Pina, o pequeno oratório  construído  ao  pé  do Cruzeiro, guarda em seu interior várias imagens sendo  a  maior  devoção  dedicada  a  São  Francisco de Assis, o Santo protetor dos animais.

Praias

Belas  praias  de  toda ilha são um convite a um agradável banho de mar, prática de  esportes ou simples passeio. Vale  a pena conhecer a Praia do Farol,  Prainhas,  do Miguel,  do Gaspar,  Brasília,  Limoeiro,  da Fortaleza, de Fora, do Cassual, do Belo e a Ponta Oeste.