Em apenas 15 dias, 140 toneladas de entulhos são retiradas da Ilha do Mel

Em apenas 15 dias da Operação Verão 2013/2014, o Governo do Paraná, através do Instituto das Águas do Paraná, retirou cerca de 140 toneladas de lixo da Ilha do Mel, patrimônio histórico e um dos principais pontos turísticos do Estado. O material doméstico e reciclável foi deixado pelos turistas entre os dias 20 de dezembro e 6 janeiro. 

Portas e janelas, fogões, geladeiras, televisores, rádios, cadeiras, garrafas e latas, entre outros entulhos, são encaminhados ao lixão do Imbocuí, em Paranaguá. O transporte é feito por uma barcaça que tem capacidade de 20 toneladas a cada viagem. 

A retirada de todo esse material teve início com a Operação Verão Paraná 2013/2014. O governo estadual assumiu a responsabilidade pela coleta e a destinação de resíduos sólidos urbanos, que antes eram obrigações das administrações municipais. 

Segundo o presidente do Instituto das Águas do Paraná, Márcio Nunes, durante a temporada a coleta será permanente na Ilha do Mel. “O governo assumiu essa responsabilidade para oferecer boas condições aos moradores e turistas. São áreas de beleza natural e reservas ambientais importantes. O objetivo é fazer com que haja um uso adequado por parte da população e que ela tenha prazer de usufruir os locais sem a presença de lixo”. 

Na Ilha, O Instituto das Águas do Paraná criou uma estratégia específica que une coleta, transporte e destinação final diária de lixo, trabalho realizado em conjunto com a comunidade e também com o apoio dos veranistas. O transporte do lixo até a barcaça é feito por dois veículos elétricos, que estão à disposição dos moradores da comunidade de Nova Brasília, e com outros dois em Encantadas. Ecologicamente corretos, os carros são silenciosos e movidos a bateria. 

Operados por motoristas habilitados, os carrinhos transportam até 300 quilos de lixo por vez. Antes de serem utilizados, a coleta e o transporte dos resíduos eram realizados com carrinhos deslocados com o uso da força física de pessoas. Os cerca de 60 trabalhadores que faziam esse trabalho agora fazem a separação de material reciclável. 

“Estes novos equipamentos agilizam a coleta e o transporte de lixo das casas, pousadas e restaurantes de acordo com os princípios de preservação ambiental. Não são poluentes, não geram emissão gasosa, não fazem barulho e não danificam as trilhas e a areia”, lembrou Nunes. 

LIMPEZA NA PRAIA – A retirada do lixo da Ilha do Mel faz parte das ações da Operação Verão do Governo do Paraná, que desde o início de dezembro realiza roçadas de terrenos baldios, a retirada de material de podas e de caliça de construção em residências, a varrição de ruas e a limpeza geral das praias. “O objetivo é atender o fluxo de turistas que visitam o litoral paranaense”, disse Nunes. 

Todas as manhãs, equipes realizam a limpeza das praias e das vias públicas dos municípios litorâneos para evitar o acúmulo de lixo e, consequentemente, a proliferação de insetos. Há 550 pessoas trabalhando durante a operação, além de 31 caminhões compactadores para a coleta convencional, seis baús para coleta do material reciclável, e 14 caminhões caçambas. 

Em toda a orla marítima foram instaladas 2,3 mil lixeiras com dois sacos plásticos, um preto para deposito do lixo orgânico e outro azul para o lixo reciclável. Todo o lixo recolhido é destinado, respectivamente, a aterros sanitários e centros de triagens. 

Os visitantes e moradores também podem contribuir para as ações de limpeza pública. “Acondicionar o lixo de modo adequado, nos horários estipulados pelas equipes de coleta e em locais apropriados, facilita o trabalho das equipes de limpeza”, lembra Nunes. 

Fonte: Governo do Estado.

Atenção: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Portal Ilha do Mel.